As Famílias de Alma – Mônadas – Parte 2

Esta postagem é uma continuação sobre a série “As Famílias de Alma”. Na parte anterior, abordamos o tema “Fonte Divina”, e agora, continuaremos falando mais especificamente sobre Mônada. Caso ainda não tenha lido a Parte 1, clique neste link: https://familiasdealma.com/2020/01/19/as-familias-de-alma-fonte-divina-parte-1/

(NOTA: Atentamos aqui – de maneira breve – que o assunto em si é essencialmente abstrato. A mente humana ainda carece de condições apropriadas para a visualização e contextualização desse tipo de conhecimento. Com base no princípio da Boa Vontade e, principalmente, com os corações abertos, poderá ser possível uma compreensão mais clara do assunto uma vez que nossa mente linear não irá nos conceder a compreensão na totalidade como deveria. Em muitos ensinamentos que recebemos, via mediunidade e aberturas psíquicas, ficamos apenas com o “linearizável”, confiando que nosso Eu Superior compreende com perfeição tudo o que poderíamos entender como Universo. Dentro de nós, intrinsecamente, contém TODA A INFORMAÇÃO E HISTORIA do Cosmos. Cabe a nós confiar e deixar para que nossa mente e nossos corações físicos absorvam tais informações dentro da maneira que cabe para cada um no momento.)

O Amor Incondicional da Fonte Divina é Infinito e por estar em constante expansão é também chamado de Fonte Criadora. Com a “simples” finalidade de se experimentar, a Fonte Divina criou infinitas Mônadas – núcleos energéticos espirituais – também chamadas de Centelhas Divinas.

Podemos dizer então que a Mônada é uma Consciência Fragmentada do Todo, em seu desenvolvimento, evolução e expansão. É o Espírito como Força Consciente, operando a partir das dimensões superiores, possuindo a capacidade da Percepção de Unidade com Vontade Própria. É a Semente Divina do Ser.

As Mônadas passam por processos experienciais em diversos Universos, sendo assim, opta pelos Reinos que deseja experimentar na finalidade da Evolução como tal. A Jornada da Mônada é infinita e manifesta suas experiencias nos reinos mineral, vegetal e animal antes de chegar ao reino humano, o reino hominal. Cabe aqui esclarecer que no Universo, existem inúmeras civilizações “humanas”, mais precisamente dizendo com base no corpo “humanoide”…. O Universo resplandece a vida nos mais longínquos lugares que possamos imaginar. A vida humana na terra não é exclusiva. Logo, compreendemos que não somos apenas humanos – somos humanos da terra, somos humanos “Terranos”.

(NOTA: Poderemos abordar outras postagens pra falar um pouco sobre, por exemplo, os humanos vindo das Plêiades, os Pleiadianos. E diga-se de passagem, são uma das civilizações que mais ajudam e apoiam o crescimento da civilização humana na Terra, juntamente com os Sirianos de Sírius A e B na constelação de Cão Maior, e também, os Arcturianos da estrela Arcturus, na constelação de Boieiro, dentre muitas outras…)

Voltando ao assunto principal, as Mônadas são eternas e não existe duas iguais. São as Regentes do Ser na tridimensionalidade e também nos aspectos multi-dimensionais em totalidade. Recolhem em seu núcleo todas as informações vividas em sua jornada, também fornecendo o alimento informativo e energético necessário no momento certo para a trajeto da alma.

Cada Mônada cria e comanda uma Família de Alma. É ela quem forma a nossa árvore genealógica de “cima para baixo” – das dimensões e densidades mais sutis aos planos mais densos – nos proporcionando a experiência em consciência fragmentada, como por exemplo, a nossa, aqui na Terra.

O que queremos dizer é que as manifestações das Almas a partir de cada Mônada configura um agrupamento específico de expressões para cada consciência que é fragmentada a partir dela – da Mônada.

Na próxima postagem prometemos que a coisa vai ficar um pouco mais fácil. Explicaremos com um desenho bastante didático e compreensível como é o processo de manifestação dessas consciências fragmentadas das Mônadas, como Alma e como expressões multi-dimensionais…

Sim, nós somos seres Multi-dimensionais. Somos Grandiosos, caros leitores. Somos imensamente Grandiosos e chegou a hora da Humanidade Terrestre desfrutar com deslumbre do que é feito e constituído todo o nosso Ser…

O Universo é vasto. E nós, como Centelhas Divinas em União com a nossa Verdade, nos tornamos vastos em Grandeza e Totalidade.

Todos nós somos, literalmente, um futuro Universo em expansão…

Fiquem atentos à próxima postagem da série…

Um imenso abraço à todos!

Por Luís F. Henriques e Karla M. Krause – 26/01/2020 – familiasdealma.com

NOTA: Fiquem a vontade para compartilhar o conteúdo do Blog, mas pedimos que mantenham os créditos dos autores!

Link para a próxima parte da série:
https://familiasdealma.com/2020/01/31/as-familias-de-alma-eu-superior-parte-3/

Publicado por familiasdealma

Somos Sementes Estelares com origem em Sírius A! Estamos aqui com a intenção de compartilhar um pouco sobre nossas vivências dentro do processo de Despertar Cósmico. Entendemos que muitos ainda despertarão para suas verdadeiras origens e com muito amor e carinho dividiremos este espaço para que possamos compreender um pouco mais sobre Consciência Elevada, Famílias de Alma, Conceitos Exotéricos e Espiritualidade em geral.... Nosso maior intuito será de fazer postagens originais usando nossa própria condição de criação de conteúdo. Além disso, é claro, nosso foco também será para os futuros Encontros Sagrados que este planeta ainda presenciará, sem deixar de dançar por aí nos mais variados assuntos que cercam todo este universo!

Um comentário em “As Famílias de Alma – Mônadas – Parte 2

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: